MENINO DE BISSAU COLOCA PORTUGAL NO FINAL DE EUROPEU

Partilhar está notícia nas redes sociais.

O avançado luso-guineense do Benfica José Gomes marcou o sétimo golo no Europeu sub-17 de Azerbaijão, em cinco jogos (12.º se for contabilizada a fase de qualificação), mais quatro do que o trio de perseguidores, composto pelo alemão Yari Otto, o inglês Reiss Nelson e o espanhol Abel Ruiz, avança jornal ‘O Jogo’ na sua edição digital de hoje, 18 de Maio.

A vitória por 2-0 de Portugal sobre a Holanda coloca a seleção nacional na final do Europeu de sub-17 pela sétima vez.

De acordo como ‘O Jogo’, Portugal qualificou-se pela sétima vez para a final do Europeu de sub-17, graças à eficácia do ponta-de-lança nascido na Guiné-Bissau José Gomes, que inaugurou o marcador aos 25 minutos e reforçou a liderança dos melhores marcadores, com sete golos, e da defesa Diogo Dalot, autor do segundo golo, aos 56.

A seleção portuguesa, que vai defrontar no sábado o vencedor da outra meia-final, entre a Alemanha e a Espanha, também marcada para hoje (17 horas), terminou o quinto jogo consecutivo na competição sem sofrer golos, tendo apontado 14, metade dos quais por intermédio do miúdo de Bissau José Gomes, noticia ‘O Jogo’.

Segundo ‘O Jogo’ Portugal não atingia o jogo decisivo desde 2003, ano em que conquistou o último dos seus cinco títulos (1989, 1995, 1996, 2000 e 2003), tendo saído derrotado na discussão do título europeu de sub-17 uma única vez, em 1988, na primeira presença na final, frente à Espanha, possível adversária de sábado.

Recorde-se que além de Gomes jogaram também outros guineenses, tratam-se de Domingos Quina e Mésaque Djú.

Por: Redação