IDRISSA CAMARÁ RENUNCIA A SELEÇÃO DA GUINÉ-BISSAU

Partilhar está notícia nas redes sociais.

O futebolista internacional guineense, Idrissa Camará, de 23 anos, decidiu renunciar-se definitivamente de representar a seleção de futebol da Guiné-Bissau, notícia a Rádio Sol Mansi.

Camará, atualmente, ao serviço de Avelino de Itália, clube que milita na segunda liga italiana (Serie B), anunciou hoje a sua intenção de deixar de representar as cores nacionais, numa entrevista exclusiva ao programa desportivo ‘4 Linhas’ da emissora católica guineense Rádio Sol Mansi.

Ao justificar sua decisão, Camará começa por salientar que é chegado a hora de ‘sermos honestos’, acrescentando que há vários rumores em volta dele na seleção nacional, como sendo um jogador desestabilizador e que cria discussões desnecessárias, fato este que o futebolista de Avelino diz não corresponder a verdade.

“Sou uma pessoa que gosta muito de rir e de brincar. Não sou de falar muito. Sou pessoa honesta, por isso, quando é para cumprir os compromissos, sempre luto para cumpri-lo, mas quando é a hora de dizer a verdade a essa pessoa eu digo-a na cara. Não gosto de falar nas costas das pessoas. E não sou desestabilizador”, explica o avançado guineense.

Atleta disse que tomou a decisão de deixar os ‘Djurtus’ desde Gabão, onde decidiu que o seu percurso na seleção de futebol já chegou ao fim. Mesmo assim exortou as autoridades e povo guineense para continuar a acreditar e dar seus apoios aos jogadores da seleção guineense.

Aos jogadores da seleção nacional de futebol, Idrissa Camará pediu que colocam em suas mentes que têm a missão de dar alegria ao povo guineense. E agradece a todos que sempre acreditaram nele e lhe concederam oportunidades para demostrar aquilo que sabe fazer que é jogar futebol.

Recorde-se que Idrissa Camará (Idi Computador) estreou-se na seleção nacional no jogo frente a Quénia em Nairobi, onde os ‘Djurtus’ perderam por 2-1 na qualificação para o CAN’2012, na era do selecionador luso, Luís Norton de Matos.

Camará soma 6 (seis) internacionalizações (A) pela seleção nacional de futebol e tem um (1) golo [nos jogos oficiais] marcado frente a seleção do Quénia na Qualificação para o CAN’2017 já na era do Mister Baciro Candé, numa partida disputada no Estádio Nacional ‘24 de Setembro’.

Por: Idjé Da Costa