‘SALVADOR’ CALILO MANÉ DEIXA BALANTAS PARA GABÚ

Partilhar está notícia nas redes sociais.

O treinador que evitou a descida do Clube de Futebol ‘Os Balantas’ de Mansôa a Segunda Divisão na passada época desportiva 2016/2017, Calilo Mané deixou esta formação nortenha, da sua terra natal, para regressar ao leste do país, onde orientará o Grupo Recreativo de Gabú que disputa o segundo escalão do desporto-rei guineense.

O ‘salvador dos ‘Balantas’ de Mansôa, trabalhava na passada temporada 2016/2017 no Grupo Recreativo de Gabú, onde tinha iniciado os trabalhos juntamente com o então treinador principal do clube lestenho, antes de ser contratado para orientar ‘Os Balantas’ de Mansoa.

Calilo Mané assumiu ‘Balantas’ numa altura em que a equipa nortenha, jogara 15 jogos no campeonato nacional da primeira divisão, sem no entanto, conhecer o sabor da vitória, e a equipa nortenha ocupava 13º lugar com apenas 4 pontos na tabela classificativa, mesmo número de pontos com Estrela de Cantanhez.

Mané conseguiu ‘salvar’ ‘Os Balantas’ de Mansôa da descida para a segunda divisão nacional, onde terminou a época desportiva 2016/2017 no oitavo lugar do campeonato com mais de 30 pontos.

Segundo fontes do programa desportivo ‘4 Linhas’, da Rádio Sol Mansi, Calilo deixou ‘Os Balantas’ de Mansoa rumo a cidade de Gabú para orientar a turma local que joga na segunda divisão, dado que os lestenhos ofereceram as melhores condições em relação aos ‘Balantas’ de Mansôa.

A nova direcção dos ‘Balantas’ de Mansôa liderado por Nelson Sá Pinto, está a procurar um novo treinador que substituirá Calilo Mané a frente dos ‘Balantas’.

Saliente-se que a direcção dos ‘Balantas’ está em conversações com dois treinadores, nomeadamente Samer atual treinador do Flamengo de Pefine que fez regressar os flaminguinses a primeira liga e Dominguinho Fernandes, atualmente ocupando cargo de o selecionador adjunto da seleção nacional sub-23.

Por: Idjé da Costa