LIGA DOS CHAMPEOES: BENFICA DE BISSAU JÁ SE ENCONTRA EM MARROCOS

Partilhar está notícia nas redes sociais.

O sport Bissau e Benfica ja se encontra em Marrocos onde vai defrontar no proximo sabado, (10.02) a equipa marroquina de El Jadidah no jogo a contar para a primeira mao de Liga dos Campoes Africanos.

A deslocaçao das aguias de Bissau teve alto patrocinio da federaçao de futebol da Guiné-Bissau que disponibilizou mais de 13 milhoes de Franco Cfa para bilhetes de passagem, para a comitiva compostopor 24 elemntos, entre dirigentes, equipa tecnica e jogadores.

O acto de entrega dos bilhetes teve lugar ontem, terça feira, (06/02) na sede de Federaçao de futebol nas presenças de alguns dirigentes da instituiçao federativa e de Benfica.

A ocasiao serviu para Celestino Gonsalves, um dos vice presidentes da FFGB destacar que o gesto da instituiçao que rege futebol nacional visa contribuir para desenvolvimento do futebolnacional. Acrescentando que o acto será extensivo a todos os clubes do país que participe em qualquer prova internacional.

O dirigente federativo pediu ainda ao emblema encarnado para dignicar o país com uma boa participaçao que segundo ele passa nao só vencer a partida, mas como tambem jogar bem mesmo perdendo, nao levando goleada.

Em geito de agradecimento, um dos vice presidente de Benfica de Bissau, Fortunato Cardoso (Bodjan) disse que Benfica será eternamente grato com o gesto da FFGB.

“quero aproveitar essemomento para apresentar o agradecimento da direçao e dos adeptos de Benfica à Federaçao de Futebol e dizer que esse momento será gravado para sempre na memoria de todos os benfiquistas” assinalou o dirigente encarnado.

Na sua visao, a participaçao de Benfica representa realizar de um sonho de actuais dirigentes que assumiram esse desafio na campanha para a liderança do clube.

Por outro lado, Bodjam disse que o objetivo de Benfica na prova nao é apenas competir como tambem conseguir bons resultados, prometendo uma participaçao condigna ao país.

Bodjam como é tambem conhecido no país mostrou a disponibilidade e avontade dos encarnados em contribuir para desenvolvimento da Guiné-Bissau e pediu que o gesto nao se restringe apenas aos leoes.

Benfica e El Jadidah de Marrocos jogam no proximo sabado em Jadida à quase 100 km a capital Casa Blanca, e segunda mao em Bissau ja no dia 18 de Fevereiro.

Na hora de despedida, o Treinador de Benfica, Joao na Tchicna antevé uma partida complicada já que ha sete anos o país nao participou no torneio, considerando que se trata de dois campeonato diferentes, sendo que de Marrocos é profissional e do pais é amador.

Benfica vai se apresentar muito desfalcado com apenas 16 jogadores, uma vez que os atletas estrangeiros de Benfica nao vao poder jogar devido a falta de certificados internacionais.

Nesse sentido, Joao na Tchicna lamenta a ausencia de Evra, um dos jogadores mais experientes do clube nessas andansas e de resto dos jogadores e disse que a sua equipa vai lutar com as armas que tem para representar condignamente as cores nacionais.

Alem dos desfalques, Benfica tem mais uma contrariedade, o clima intenso de frio, vai ser um dos obstaculos de aguias.

O Capitao de Benfica Vladmir Cirilo Bacurim espera um jogo dificil, sendo contra um adversario desconhecido, mas sempre focado num bom resultado.

A caravana de Benfica nao inclui a imprensa desportiva devido a dificuldades financeiros, um facto lamentado por um dos dirigentes de clube.

Francisco Sofia, um dos vice presidente de aguias de capital disse que pela falta de meios nao foi possivel incluir na caravana os jornalistas desportivos.

Recorda-se que há sete anos que o país nao participa nas provas provas continental de clubes, na qual Balantas de Mansoa perfila comoultimo clube nacional a participar na liga milhonaria de clubes africanos.

 

Por: Alcene Sidibé